Capacidade de adaptação

Capacidade de adaptação, competência que está ganhando destaque no mercado de trabalho

Capacidade de adaptação, competência que está ganhando destaque no mercado de trabalho

Cada vez mais a capacidade de adaptação de um profissional determina sua sobrevivência e também sua evolução no mercado de trabalho brasileiro.

Não é para menos. O trabalho, especialmente por aqui, passa por mudanças e mais mudanças.

Fatores

Como se não bastassem fatores mundiais como a evolução das formas de trabalho, que cada vez mais popularizam estilos de home office e freelancer, e o aumento da oportunidade (ou necessidade, para alguns) de empreendedorismo, ainda temos no país crise econômica, eleições pós-impeachment e nova legislação trabalhista.

Sem contar que muitos dos cargos demandados hoje no mundo todo não existiam um ano atrás. Muito menos cursos ou faculdades que ensinassem os conhecimentos e competências para atuar neles.

O que é capacidade de adaptação

A capacidade de adaptação existe quando você consegue se adequar bem a novas situações. Isso significa que você não fica tentando resistir às mudanças.

Pelo contrário, você sabe abraçá-las, tem uma postura otimista e é bastante resiliente. Um profissional com esse perfil costuma buscar soluções criativas para problemas e desafios que surgem no local de trabalho.

Essa característica é comum – e muito bem-vinda – nos líderes que precisam permanecer positivos mesmo nos momentos mais complicados e ainda motivar suas equipes.

Essa competência que se torna cada vez mais relevante pode ser desenvolvida por todo profissional que queira adequar seu perfil às novas exigências do mercado.

Aprenda com os outros

Observe pessoas que você admira no local de trabalho e aprenda com sua forma de se expressar e entregar resultados.

Alguém da área financeira, por exemplo, sabe como apresentar resultados negativos com uma mensagem positiva para o futuro? Aprenda com ele.

Alguém de TI consegue reunir pessoas de equipes diferentes para pensar em soluções inovadoras? Use isso para se inspirar.

Busque qualificação

Reavaliar e requalificar sua carreira é essencial para que você consiga se adaptar às novas exigências da sua área.

Por exemplo, uma pessoa que tinha experiência e linha de trabalho dentro de TI e saúde, pode fazer uma pós-graduação em gestão empresarial para ampliar sua visão financeira e abrir um novo campo de atuação.

É assim que o trabalhador do futuro tem que pensar e agir: investir em uma área complementar, ainda que diferente da sua formação, mas que consiga uma aproximação para potencializar o currículo.

Veja o lado bom

Nem sempre é fácil encontrar pontos positivos em projetos que não saem conforme o planejado, mas saber tirar algo de bom dessas situações é um excelente exemplo de capacidade de se adaptar às mudanças, porque exige que você reformule seu foco, muitas vezes dando um passo atrás e vendo as coisas de forma menos crítica e objetiva.

Se encontrar pontos positivos for realmente impossível, tente pelo menos listar o que você aprendeu quando as coisas não saíram conforme o planejado.

Permita-se errar

Cometer erros pode ser frustrante, gerenciar as consequências de um erro pode ajudar a melhorar suas habilidades de adaptabilidade.

Se você aprender com seus erros, compartilhar novos conhecimentos e testar soluções alternativas, tem grande chances de tirar desses erros as mais importantes lições da sua vida profissional.

Faça perguntas

Questionar é uma ótima maneira de aprender mais e desafiar formas estabelecidas de fazer as coisas, um componente-chave para ser adaptável.

Grandes líderes não nascem prontos e nem conseguem fazer tudo sozinhos.

 

Fonte: vagas.com

Categoria
Compartilhar
Conheça nossos cursos

Conheça
nossos
cursos

Graduação

Saiba mais

Pós-
Graduação

Saiba mais

Cursos
Técnicos

Saiba mais
  • Preencha os dados abaixo e receba nossa newsletter com as últimas novidades.

SIGA-NOS